Telescópio espacial da Nasa revela aglomerado de flocos de neve estelar

Estrelas recém-nascidas apresentam um padrão que lembra os flocos de neve.

Estrelas recém-nascidas, escondidas atrás de uma poeira espessa, são reveladas nesta imagem do telescópio espacial Spitzer da Nasa, a agência espacial americana. As estrelas infantis recém-reveladas aparecem como pontos rosa e vermelhos em direção ao centro e parecem ter se formado em intervalos regularmente espaçados ao longo de estruturas lineares em uma configuração que lembra os raios de uma roda ou o padrão de um floco de neve. Consequentemente, os astrônomos o apelidaram de Cluster do Floco de Neve.

Telescópio espacial da Nasa revela aglomerado de flocos de neve estelar

Nuvens formadoras de estrelas como esta são estruturas dinâmicas e em evolução. Como as estrelas traçam o padrão de linha reta dos raios de uma roda, os cientistas acreditam que essas estrelas são recém-nascidas, ou 'protoestrelas'. Com apenas 100 mil anos de idade, essas estruturas infantis ainda precisam 'rastejar' para longe de seu local de nascimento. Com o tempo, os movimentos naturais de cada estrela quebrarão essa ordem e o desenho do floco de neve não existirá mais.

Embora a maioria das estrelas de luz visível não brilhem intensamente nos olhos infravermelhos do Spitzer, todas as estrelas que se formam a partir dessa nuvem empoeirada são consideradas parte do aglomerado.

Telescópio espacial da Nasa revela aglomerado de flocos de neve estelar

Como um dedo cósmico empoeirado apontando para os aglomerados de recém-nascidos, o Spitzer também ilumina a nebulosa do Cone, opticamente escura e densa, cuja ponta pode ser vista no canto inferior esquerdo da imagem.

Foto: Nasa/JPL-Caltech/P.S. Teixeira (Centro de Astrofísica), via Fotos Públicas

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais