Álcool em gel pode danificar seu celular; veja como higienizar aparelho do jeito certo

Limpeza do objeto é recomendada durante a pandemia de Covid-19, porém, alguns cuidados são necessários ao fazer desinfecção.

Com a pandemia de Covid-19, alguns cuidados com a higiene passaram a fazer parte da nossa rotina ou foram reforçados, como uso de máscara e álcool em gel para limpeza das mãos e superfícies. A descontaminação de objetos de uso pessoal que são muito tocados no dia a dia também passou a ser fundamental, como os celulares.

Álcool em gel pode danificar seu celular; aprenda a higienizar o aparelho do jeito certo

A higienização do dispositivo, no entanto, não pode ser feita de qualquer maneira. Clayton Mangulin, CEO e fundador da rede de assistência técnica Campinas Celulares, explica que, se mal feito, o trabalho pode até danificar o aparelho.

Atendemos muitos casos de pessoas que tentaram desinfetar o objeto em casa e o que fizeram foi diminuir sua vida útil, isso porque o álcool em gel possui componentes que oxidam as peças dos aparelhos

A desinfecção do seu smartphone pode ser feita, sem comprometer seu funcionamento, seguindo três passos básicos.

Use álcool isopropílico

O álcool isopropílico 70% é o mais indicado para limpeza de componentes eletrônicos e metais, pois é puro e evapora mais rápido. Produtos em gel não devem ser usados, por conter emulsificantes e hidratantes que grudam nas peças dos aparelhos, além de danificar a tela e a câmera do celular.

Além disso, é preciso tomar cuidado com a quantidade de álcool, não é aconselhável aplicar diretamente o produto no aparelho, é necessário utilizar um pano cujo tecido não solte fios, como a flanela, por exemplo, muito utilizada para limpeza de óculos de grau.

Desligue o aparelho

Antes de fazer a limpeza, desligue o telefone e jamais tente higienizá-lo com o cabo e carregador conectados na tomada. A umidade dos produtos de limpeza podem se infiltrar e percorrer circuitos eletrônicos causando curtos e até danos irreversíveis ao dispositivo.

Higienize a capinha

Por fim, limpe também o case do aparelho, caso esteja utilizando um. Capinhas de plástico, silicone ou material semelhante podem ser lavadas com água e detergente ou sabonete líquido, mas é preciso deixar secar bem antes de colocá-las de volta no telefone móvel.

Se o acessório for metalizado, pode utilizar o álcool isopropílico 70%, com cuidado, sem exagerar na quantidade de produto. 

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais