Hubble encontra cometa vagando perto dos asteroides troianos de Júpiter

Objeto gelado, batizado de P/2019 LD2, é primeiro cometa que astrônomos avistaram próximo aos chamados asteroides troianos de Júpiter.

O telescópio espacial Hubble capturou esta imagem do jovem cometa P/2019 LD2 enquanto orbita perto dos asteroides troianos de Júpiter. O objeto gelado é o primeiro cometa que os astrônomos avistaram próximo aos troianos. A imagem de luz visível do Hubble é uma combinação de exposições tiradas em 1º de abril e 8 de maio de 2020, com a Wide Field Camera 3.

Hubble mancha cometa vagando perto dos asteroides troianos de Júpiter

A visão do Hubble revela uma cauda de 640 mil quilômetros de poeira e gás fluindo do núcleo sólido brilhante do cometa rebelde: a cauda é a evidência de que o objeto gelado está ativo, apesar de sua grande distância do sol fraco. Ela pode ser impulsionada pela liberação de monóxido de carbono e dióxido de carbono. Esses voláteis não precisam de muita luz solar para aquecer sua forma congelada e convertê-los em gás.

O cometa viajante foi descoberto no início de junho de 2019 pelo telescópio Atlas (Asteroid Terrestrial-impact Last Alert System) da Universidade do Havaí.

O intruso gelado é provavelmente um dos mais recentes integrantes da chamada bucket brigade de cometas a viajar para o interior em direção ao Sol depois de ser expulso de sua casa gelada no cinturão de Kuiper por meio de interações com o planeta gigante mais externo, Netuno. Localizado nos arredores do Sistema Solar, o cinturão de Kuiper é um refúgio de fragmentos congelados da construção de nossos planetas, 4,6 bilhões de anos atrás.

O cometa vagante é um residente temporário entre os asteroides de Júpiter. Simulações de computador mostram que o hóspede inesperado terá um encontro próximo com Júpiter em, aproximadamente. mais dois anos. O enorme planeta irá inicializar o cometa em direção ao Sistema Solar interno.

Foto: Nasa, ESA, STScI, B. Bolin (Ipac/Caltech)

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais