Receba atualizações por

Cemaden alerta sobre possibilidade de enxurrada em São Luís, nas próximas horas

Previsão de chuva com potencial para altos acumulados favorecem cenário em áreas urbanas; alerta é válido para esta segunda-feira (29).

O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), emitiu, no fim da tarde deste domingo (28), alerta sobre a possibilidade moderada de ocorrência, nesta segunda-feira (29), de eventos hidrológicos em grande parte do Maranhão, devido à previsão de chuva com potencial para altos acumulados em um período curto de tempo que favorecem eventos de enxurrada principalmente em áreas urbanas, em especial na Região Metropolitana de São Luís.

Cemaden alerta sobre possibilidade de enxurrada em São Luís, nas próximas horas

O aviso do Cemaden é válido para todas as mesorregiões maranhenses, exceto a sul.

Cemaden alerta sobre possibilidade de enxurrada em São Luís, nas próximas horas

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) também emitiu alerta sobre risco potencial, até as 11h desta segunda-feira, de alto acumulado de chuva, entre 30 a 60 mm/h ou 50 a 100 mm/dia, com possibilidade de causar alagamentos, deslizamentos de encostas, transbordamentos de rios, em cidades com tais áreas de risco, em especial na porção mais ao norte do Maranhão.

Leia também: Ameaças naturais: o que fazer em caso de emergência?

Para a região central, o risco é de chuvas intensas, entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 km/h), com baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Leia também: Com temporais seguidos, São Luís tem - com folga - volume de chuva acima da média histórica para março

Entre as recomendações do Inmet, estão:

  • Evitar enfrentar o mau tempo;
  • Observar alteração nas encostas;
  • Se possível, desligar aparelhos elétricos e quadro geral de energia;
  • Evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada;
  • Em caso de situação de inundação, ou similar, proteger seus pertences da água envoltos em sacos plásticos;
  • Em caso de rajadas de vento, não se abrigar debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda;
  • Obter mais informações com a Defesa Civil (telefone 199) e Corpo de Bombeiros (193).

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Continua após a publicidade

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais

Ouça o podcast Em Resumo

Gostou do conteúdo? Então deixe sua opinião sobre o assunto. Seu comentário é muito importante para enriquecer o debate.

Tecnologia do Blogger.