Dois pares de quasares na mira do telescópio espacial Hubble

Pares de quasares com 10 bilhões de anos residem no coração das galáxias em fusão; cada um dos quatro em uma galáxia hospedeira.

Essas duas imagens do telescópio espacial Hubble - da Nasa/ESA - revelam dois pares de quasares que existem há 10 bilhões de anos e residem no coração das galáxias em fusão. Cada um dos quatro quasares reside em uma galáxia hospedeira.

Essas galáxias, no entanto, não podem ser vistas porque são muito fracas, mesmo para o Hubble. Os quasares dentro de cada par estão separados por apenas cerca de 10 mil anos-luz - o mais próximo já visto nesta época cósmica.

Dois pares de quasares são revelados pelo telescópio espacial Hubble
Explore a imagem em alta resolução

Quasares são faróis brilhantes de luz intensa dos centros de galáxias distantes que podem ofuscar suas galáxias inteiras. Eles são alimentados por buracos negros supermassivos que se alimentam vorazmente de matéria em queda, liberando uma torrente de radiação.

O par de quasares na imagem à esquerda é catalogado como J0749+2255; o par à direita, como J0841+4825. Os dois pares de galáxias hospedeiras habitadas por cada quasar duplo acabarão por se fundir. Os quasares então orbitarão firmemente um ao outro até que eles eventualmente se espiralem juntos e se aglutinem, resultando em um buraco negro ainda mais massivo, mas solitário.

A imagem para J0749+2255 foi tirada em 5 de janeiro de 2020. A foto J0841+4825 foi tirada em 30 de novembro de 2019. Ambas as imagens foram tiradas em luz visível com Wide Field Camera 3.

Foto: Nasa, ESA, H. Hwang e N. Zakamska (Universidade Johns Hopkins); e Y. Shen (Universidade de Illinois, Urbana-Champaign)

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Continua após a publicidade

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais

Gostou do conteúdo? Então deixe sua opinião sobre o assunto. Seu comentário é muito importante para enriquecer o debate.

Parceiros

GeraLinks - Agregador de links Uêba - Os Melhores Links Vagando na Net
Tecnologia do Blogger.