Sh 2-305: uma superbolha estrelada em um dos braços da Via Láctea

Juntamente com cinco bolhas vizinhas, Sh 2-305 pertence ao complexo gigante de nuvens densas de poeira e gás no Braço de Perseus, da Via Láctea.

Esta área do céu que brilha suavemente é, na verdade, uma bolha quente de gás hidrogênio - chamada Sh 2-305 - que foi bombardeada por intensa radiação de estrelas próximas. Essas nuvens de gás são conhecidas como nebulosas de emissão ou regiões HII (pronuncia-se 'H-dois').

A radiação em questão está na parte ultravioleta do espectro e acredita-se que emane de, pelo menos, duas estrelas do tipo O, e, provavelmente, de várias outras. Essa classe estelar é a mais brilhante e quente que conhecemos - tais estrelas podem ter até 90 vezes a massa do Sol e um incrível milhão de vezes mais brilhante.

Sh 2-305: uma superbolha estrelada em um dos braços da Via Láctea
Sh 2-305 é classificada como uma nebulosa de emissão ou região HII / Foto: ESO

Juntamente com cinco bolhas vizinhas, Sh 2-305 pertence a um complexo gigante de nuvens densas de poeira e gás e, em uma escala maior, um enorme anel denominado supershell formador de estrelas GS234-02 (localizado no Braço de Perseus, da Via Láctea, na constelação de Puppis).

Essa imagem foi obtida por meio do programa ESO Cosmic Gems, iniciativa de divulgação para produzir imagens de objetos interessantes, intrigantes ou visualmente atraentes usando telescópios do Observatório Europeu do Sul (ESO), para fins de educação e divulgação pública. O programa faz uso do tempo do telescópio que não pode ser usado para observações científicas.

Todos os dados coletados também podem ser adequados para fins científicos e são disponibilizados aos astrônomos por meio do arquivo científico do ESO.

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Continua após a publicidade

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais

Gostou do conteúdo? Então deixe sua opinião sobre o assunto. Seu comentário é muito importante para enriquecer o debate.

Parceiros

GeraLinks - Agregador de links Uêba - Os Melhores Links Vagando na Net
Tecnologia do Blogger.