NGC 5728, uma galáxia que vai além do que se vê

O que esta imagem do telescópio Hubble não mostra é que NGC 5728 é uma galáxia monumentalmente energética, conhecida como galáxia Seyfert.

Conheça a NGC 5728, uma galáxia espiral a cerca de 130 milhões de anos-luz da Terra. Este registro feito com a Wide Field Camera 3 (WFC3) do telescópio espacial Hubble, que é extremamente sensível à luz visível e infravermelha - ou seja, esta imagem revela regiões da NGC 5728 que estão emitindo luz visível e infravermelha.

No entanto, existem muitos outros tipos de luz que galáxias como a NGC 5728 podem emitir, que o WFC3 não consegue ver.

NGC 5728, uma galáxia que vai além do que se vê

Nesta imagem, NCG 5728 parece ser uma galáxia espiral elegante, luminosa e barrada; o que ela não revela, no entanto, é que NGC 5728 também é um tipo de galáxia monumentalmente energética, conhecida como galáxia Seyfert. Esta classe extremamente energética de galáxias é alimentada por seus núcleos ativos, que são conhecidos como núcleos galácticos ativos (AGNs).

Existem muitos tipos diferentes de AGNs, e apenas alguns deles fornecem energia às galáxias Seyfert. NGC 5728, como todas as galáxias Seyfert, é diferente de outras galáxias com AGNs porque a própria galáxia pode ser vista claramente.

Outros tipos de AGNs, como quasares, emitem tanta radiação que é quase impossível observar a galáxia que os abriga. Como mostra essa imagem, NGC 5728 é claramente observável e em comprimentos de onda ópticos e infravermelhos parece bastante normal.

É fascinante saber que o centro da galáxia está emitindo grandes quantidades de luz em partes do espectro eletromagnético às quais o WFC3 simplesmente não é sensível. Só para complicar as coisas, o AGN no núcleo da NGC 5728 pode, realmente, estar emitindo alguma luz visível e infravermelha - mas pode estar bloqueado pela poeira ao redor do núcleo da galáxia.

Com informações e foto de ESA/Hubble, A. Riess et al., J. Greene

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais