Olhar Indiscreto: Débora Nascimento protagoniza thriller psicológico

Nova série brasileira da Netflix já começou a ser gravada e tem previsão de estreia em 2022 na plataforma de streaming.

Um thriller psicológico marcado por grandes reviravoltas e pelo olhar feminino, tanto na frente quanto atrás das câmeras: assim é Olhar Indiscreto, a nova série brasileira da Netflix. Criada e escrita pela argentina Marcela Citterio e protagonizada por Débora Nascimento, a obra já começou a ser gravada e tem previsão de estreia em 2022.

Quem conduz a história é Miranda (Débora Nascimento), uma voyeur incontrolável e hacker extremamente habilidosa. Sua rotina é espiar pela janela a vida de Cléo (Emanuelle Araújo), uma prostituta de luxo e moradora do prédio em frente. Certo dia, Cléo bate à sua porta e pede que Miranda cuide de seu cachorro enquanto faz uma viagem. Neste mesmo dia, o destino da hacker muda para sempre e ela conhece o homem dos seus sonhos.

Olhar Indiscreto: Débora Nascimento protagoniza thriller psicológico

Mas, como em todo bom thriller, nada é o que parece ser, como destaca Débora.

Quando surgiu a possibilidade de interpretar Miranda na série, li a sinopse e, imediatamente, fiquei encantada pela complexidade da personagem. Eu ainda não tinha feito um thriller psicológico como este e tenho certeza que esta história vai bugar a cabeça de muita gente

Com produção da Mixer Films, Olhar Indiscreto tem direção geral de Luciana Oliveira, direção de episódios de Fabrizia Pinto e Letícia Veiga e roteiro adaptado por Camila Raffanti. No elenco, ainda estão os atores Nikolas Antunes e Ângelo Rodrigues.

Com informações e foto da Netflix/Ágora Comunicação

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e enriqueça o debate. Siga o Blog do Maurício Araya no Facebook, no Twitter, no Pinterest, no Instagram, LinkedIn e YouTube.

Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais