Oficina para formação de acervo sonoro maranhense tem inscrições abertas

Técnicas de captação de áudio e formação de acervo digital são trabalhadas em aulas, ministradas pela mestre em comunicação social Camila Lima.

O Centro Cultural Vale Maranhão (CCVM) está com inscrições abertas para a oficina Sonário, que tem como principais objetivos o ensino de técnicas de captação de áudio e a formação de um acervo sonoro digital de patrimônio imaterial, possibilitando novos registros da cultura popular maranhense e a sensibilização sobre a escuta.

As inscrições podem ser feitas pela internet, e as aulas ocorrem presencialmente no CCVM, - no Centro de São Luís - de 30 de novembro a 4 de dezembro, às 14h30.

Oficina para formação de acervo sonoro maranhense tem inscrições abertas

Quem ministrará as aulas é Camila Lima, mestra em comunicação social com ênfase em imagem, som e pesquisa pela Universidade de Brasília (UnB). A oficina é fruto da experiência de Camila no projeto Sonário do Sertão, onde um acervo virtual de sons do sertão foi desenvolvido e premiado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como uma iniciativa de preservação e divulgação do patrimônio imaterial brasileiro.

Com informações do CCVM

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário. Siga o Blog do Maurício Araya no Twitter, Facebook, Pinterest, TikTok, Instagram, LinkedIn e YouTube.


Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais