Museu da Língua Portuguesa seleciona projetos de artistas iniciantes

Inscrições para Plataforma Conexões vão até 28 de fevereiro; trabalhos, que recebem verba de R$ 7,5 mil, serão exibidos em saguões da Estação da Luz.

O Museu da Língua Portuguesa, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, realiza a primeira edição do Plataforma Conexões, que vai apoiar e dar visibilidade a projetos de artistas e grupos iniciantes. Serão selecionados oito projetos para apresentações ao longo de 2022 - entre maio e dezembro - nos saguões da Estação da Luz; cada um deles receberá verba de R$ 7,5 mil.

As inscrições vão até 28 de fevereiro, pela internet. Artistas solo, grupos ou cooperados residentes do Estado de São Paulo podem inscrever projetos nas áreas de música, teatro ou literatura que tenham como fio condutor o tema Travessias pela Cidade.

Museu da Língua Portuguesa seleciona projetos de artistas iniciantes

A verba para cada artista ou grupo deve cobrir gastos como cachês, transporte, hospedagem e eventual aquisição ou locação de materiais, entre outras despesas, considerando uma apresentação presencial no Museu da Língua Portuguesa.

Serão considerados artistas iniciantes aqueles que, ao longo de sua trajetória, tenham desenvolvido no mínimo uma e no máximo seis produções na área cultural na qual desejam se inscrever.

Os projetos selecionados vão se juntar à programação cultural promovida pelo Museu da Língua Portuguesa, que inclui, além da exposição principal e da mostra temporária Sonhei em português! (em cartaz até junho), saraus e feiras e visitas temáticas.

Com informações e foto do Museu da Língua Portuguesa

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário. Siga o Blog do Maurício Araya no Twitter, Facebook, Pinterest, TikTok, Instagram, LinkedIn e YouTube.


Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais