Maranhenses observam ‘Lua de Sangue’

Nuvens até dificultaram observação, mas não tiraram brilho do espetáculo no céu de São Luís; igual a esse, só em junho de 2029.

#RadarMA

Algumas nuvens até dificultaram a observação, mas não tiraram o brilho do espetáculo no céu de São Luís, na madrugada desta segunda-feira (16): brilho mesmo que sumiu foi o da Lua, escurecida pela sombra da Terra. O eclipse lunar total, visível em todo o Brasil, durou quase uma hora e meia.

Próximo à constelação de Escorpião, o satélite natural do nosso planeta foi sendo coberto pela sombra ainda na noite de domingo (15). Pouco após a meia-noite, a superfície da Lua começou a ficar avermelhada, o que dá ao fenômeno o nome de 'Lua de Sangue'.

Lua de Sangue

O próximo eclipse lunar total de 2022 ocorre em novembro, mas não será visível no Brasil em sua totalidade. Um evento igual a esse só vai se repetir em junho de 2029.

Lua de Sangue

Já em outubro de 2023, os brasileiros vão poder acompanhar um eclipse solar anular - quando a Lua não encobre todo o Sol, formando um 'anel de fogo'. São Félix do Xingu (PA), Araguaína (TO), Iguatu (CE), Juazeiro do Norte (CE), Patos (PE) e as capitais João Pessoa e Natal serão os melhores pontos de observação do fenômeno.

Leia outros destaques do Blog do Maurício Araya. Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário. Siga o Blog do Maurício Araya no Twitter, Facebook, Pinterest, TikTok, Instagram, LinkedIn e YouTube.


Sobre o autor: Jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e G1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais