Siga os canais do Blog do Maurício Araya

Parte do Maranhão deve sentir efeitos da nova onda de calor em dezembro

A partir de quinta-feira, 14 de dezembro, temperaturas vão disparar antes do início oficial do verão; em algumas regiões, máximas superam 5°C a média.

Uma nova onda de calor vai atingir o Brasil a partir de quinta-feira, 14 de dezembro, disparando as temperaturas no fim da primavera e início do verão - que ocorre oficialmente no dia 22 de dezembro, às 0h27 (horário de Brasília). Segundo o instituto Climatempo, a nova onda de calor se estende até o dia 20 de dezembro.

Uma onda de calor é caracterizada pelo aumento da temperatura - em torno de 5°C ou mais - superando a média, em uma área ampla, por dias ou semanas. Ela é causada por bloqueios atmosféricos.

Várias Unidades da Federação vão ser atingidas, inclusive a região centro-sul do Maranhão: no Estado, segundo o Climatempo, as temperaturas podem ficar de 3 a 5°C acima da média para o período; e, no extremo sul, a onda de calor deve elevar a temperatura em mais de 5°C acima da média.

Nas áreas em laranja, fica 3°C a 5°C mais quente; em vermelho, temperaturas superam média para o período em mais de 5°C
Blog do Maurício Araya (arte), com dados do Climatempo

O instituto, no entanto, lembra que esta onda de calor terá duração menor que as anteriores, dos meses de setembro e novembro de 2023; ainda assim, a população deve sentir os efeitos da insolação.

Blog do Maurício Araya

Gostou do conteúdo do Blog do Maurício Araya? Leia outros destaques. Contribua com o debate, deixe seu comentário.

Siga as atualizações por meio dos canais no WhatsApp e Telegram; Google Notícias; e perfis nas redes sociais Threads, Bluesky, Mastodon, Tumblr, Facebook, Instagram, Pinterest e LinkedIn.

Sobre o autor: Maurício Araya é jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e g1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais

Comente o conteúdo