Siga os canais do Blog do Maurício Araya

Quase metade dos brasileiros deve comprar menos presentes de Natal em 2023

Brinquedos seguem em primeiro lugar na preferência de compra; dados são da pesquisa ‘Radar Febraban’.

Quase metade dos brasileiros acredita que vai comprar menos nas festas de fim de ano em 2023 se comparado ao ano passado. Apesar do balanço positivo da situação do país e da vida pessoal em 2023, a expectativa para as compras de fim de ano é moderada, seguindo de perto as tendências de 2022. É o que revelou o levantamento de dezembro do Radar Febraban, pesquisa Febraban News-Ipespe.

Quase metade dos brasileiros deve comprar menos presentes de Natal em 2023, comparado a 2022
Cottonbro Studio/Pexels

Segundo a pesquisa, 48% dos brasileiros entrevistados afirmam que irão comprar menos do que no ano passado (eram 46% em dezembro de 2022); mantém-se o percentual que espera comprar mais (16%); e oscila para 34% os dizem que manterão o padrão anterior (eram 35% no mesmo período do ano passado).

Entre os itens mais cobiçados para as compras de Natal, 'brinquedos' aparecem isolados num distante primeiro lugar (88% em pergunta de múltiplas respostas). Completam a lista preferencial de compras de fim de ano os 'eletrônicos' e 'eletrodomésticos', que juntos somam 60%; e os 'produtos de beleza', que obtêm 30% das menções.

Para as compras de fim de ano, a modalidade presencial tem a preferência de mais da metade dos brasileiros (55%), enquanto um quarto (25%) prefere fazer as compras on-line e 16% não fazem distinção.

Realizada entre os dias 29 de novembro e 2 de dezembro de 2023, pelo Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), a pesquisa Radar Febraban ouviu 2 mil pessoas nas cinco regiões do Brasil.

Blog do Maurício Araya

Gostou do conteúdo do Blog do Maurício Araya? Leia outros destaques. Contribua com o debate, deixe seu comentário.

Siga as atualizações por meio dos canais no WhatsApp e Telegram; Google Notícias; e perfis nas redes sociais Threads, Bluesky, Mastodon, Tumblr, Facebook, Instagram, Pinterest e LinkedIn.

Sobre o autor: Maurício Araya é jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e g1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais

Comente o conteúdo