Siga os canais do Blog do Maurício Araya

Filmes nacionais levam quase 800 mil pessoas aos cinemas em uma semana

Dados levantados pela Abraplex mostram que longas ‘Mamonas Assassinas’ e ‘Minha Irmã e Eu’ arrecadaram, juntos, quase R$ 15 mi na semana de estreia.

A última semana de 2023 foi marcada por duas grandes estreias do cinema nacional. Os longas Minha Irmã e Eu e Mamonas Assassinas registraram números bastante altos e ocuparam 62% das salas de cinema do país.

De acordo com dados levantados pela Associação Brasileira das Empresas Exibidoras Cinematográficas Operadoras de Multiplex (Abraplex), a cinebiografia da banda mais carismática do país arrecadou até o dia 3 de janeiro um total de R$ 5,9 milhões - com um público de mais de 315 mil espectadores -, enquanto a comédia com Tatá Werneck e Ingrid Guimarães faturou R$ 8 milhões - com mais de 460 mil espectadores. Ambos os filmes estrearam em 28 de dezembro, e Minha Irmã e Eu contou com três dias de sessões especiais de pré-estreia.

Mamonas Assassinas
Divulgação

Mamonas Assassinas e Minha Irmã e Eu trazem duas grandes receitas de sucesso: o primeiro é uma cinebiografia, gênero que tem sido bem aceito pelo público brasileiro, o segundo é uma comédia. O fim de ano, historicamente, é um momento de grandes comédias nacionais, como a série Minha Mãe é uma Peça.

De acordo com Marcos Barros, presidente da Abraplex, o bom desempenho dos títulos, sem cota de tela em vigor, é uma demonstração de que é possível elevar a participação do cinema nacional, que fechou 2023 em apenas 2%. Se os três pilares da indústria - distribuidores, produtores e exibidores - forem envolvidos em discussões técnicas e se os filmes em cartaz forem de interesse do grande público, podemos, sim, alavancar a produção nacional e chegar a patamares nunca antes vistos, comenta.

Blog do Maurício Araya

Gostou do conteúdo do Blog do Maurício Araya? Leia outros destaques. Contribua com o debate, deixe seu comentário.

Siga as atualizações por meio dos canais no WhatsApp e Telegram; Google Notícias; e perfis nas redes sociais Threads, Bluesky, Mastodon, Tumblr, Facebook, Instagram, Pinterest e LinkedIn.

Sobre o autor: Maurício Araya é jornalista profissional (DRT-MA nº 1.139), com ênfase em produção de conteúdo para Web, edição de fotos e vídeos e desenvolvimento de infográficos; com passagem pelas redações do Imirante.com e g1 no Maranhão; e vencedor, por dois anos (2014 e 2015), da etapa estadual do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Webjornalismo. Saiba mais

Comente o conteúdo